sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Mais uma para o rol dos disparates!!!

Só quem está no ensino, sabe realmente como funcionam os CEF`s, os PIEF`s, os cursos profissionais e as Novas Oportunidades. Só quem lecciona a turmas deste género é que sabe até que ponto pode chegar o desleixo, a iliteracia e o desprezo demonstrados por muitos dos alunos que compõem estas turmas. Já nem falo da (falta de) postura que muitos dos alunos destas turmas demonstram dentro da sala de aula! Enfim, a procura do sucesso forçado tem destas consequências...
Vou já na lição número 60 com a minha turma dos profissionais de Turismo e já sei, como se costuma dizer, "o que a casa gasta". Nesta turma tenho dezoito alunos e as dificuldades em termos de aprendizagem demonstradas por uma larga maioria deles são de bradar aos céus. A falta de pré-requisitos, de conhecimentos e de métodos de trabalho é de tal ordem que, comparando com as demais turmas, o ensino nestes profissionais parece estar ao nível do 2º ciclo do ensino básico e não de um ensino secundário. Muitos alunos não sabem sequer elaborar uma introdução para um trabalho prático e a ignorância é tanta que ter resultados sem recorrer ao facilitismo é uma tarefa árdua... Veja-se aqui ao lado a prova de como a ignorância pode ser de arrepiar!!! Pensar que o Algarve é um país é sinal de quê? Não pode ser só distracção...
Ora, a solução para este estado de coisas passa por "puxar" por estes alunos e não por ir atrás da lógica do "deixa andar" ou do "faz de conta". Recuso-me a passar alunos que não sabem o mínimo dos mínimos e não evidenciam o mínimo dos esforços... Nâo estou para fomentar a ignorância!!!

4 comentários:

daniel disse...

E ainda querem a escolaridade obrigatória até ao 12.º ano.

Cruzes!!!

Odiana disse...

Pergunta numa turma de CEF: No próximo dia 1 de Dezembro é feriado. Alguém sabe o que se comemora?
Resposta pronta de um aluno: o 25 de Abril.

prof tuga disse...

Já nada me admira! Na minha escola as turmas de CEF são formadas por bandos de marginais delinquentes que pensam que mandam na escola e fazem a vida negra aos professores, desrespeitando-os e fazendo-lhes frente. Mas o pior é que começo a achar que têm razão... Só fazem porcaria e não lhes acontece nada... e não reprovam...e ainda recebem dinheiro... Esta é a educaçao que temos...

João disse...

Se o MIA tivesse vingado o Algarve talvez ainda fosse um país independente, se não fosse já uma província de Espanha... Talvez o que mais me chateie na resposta da aluna seja a vacuidade da frase "[o Algarve] tem alguma diversidade de actividades para os turistas desenvolverem [e] é um local com bastante procura".