quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

Desafio - Quem descobre o erro?

Público de ontem, quarta-feira, dia 20 de Dezembro de 2006. Reportagem aprofundada nas páginas 2 e 3 deste conceituado jornal sobre o problema do encerramento de fábricas que afecta o nosso país. Ao ler o artigo da jornalista Maria Albuquerque deparo-me com um engano (não acredito que tenha sido uma simples gralha!), que considero grave, num conceito de Geografia que ensino aos meus alunos do 8º ano e que aprofundo aos do 10º ano. Quando aparece este tipo de erro científico nas fichas de avaliação dos meus alunos é costumo dar-lhes um "sermão" no bom sentido, a fim de que não voltem a cair no mesmo erro. É um conceito geográfico básico e que, cada vez mais se utiliza no nosso dia-a-dia...
Aqui deixo a parte do texto assinado pela jornalista. Será que alguém vai descobrir o erro???
Quem não descobrir logo à primeira vez que ler o texto necessita urgentemente de umas lições de Geografia...

11 comentários:

Prof. Teresa disse...

Um "i", em vez de um "e", claro! Bom Natal!

Anónimo disse...

Colega,já agora... quantos são 2 + 2 ?

Jose disse...

E porque não um "i" a mais? Assim já dava para tudo.

Anónimo disse...

"Emigração" e não "imigração"! Apesar do indivíduo ser, ao mesmo tempo, emigrante e imigrante.

Papoila disse...

Fácil: Emigração e não Imigração

Boas Festas para todos os Bloggers

São os votos do:

http://oladocerto.blogspot.com

Anónimo disse...

mas neste caso é só emigração, porque é uma hipotese (e esta noticia é feita no pais de origem, por isso é sempre emigrante), se a pessoa em questão, ja´estivesse, no pais de destino, é que era considrada imigrante (mas so no pais de destino).

Sizandro disse...

Afinal a Milú anda cheia de razão quanto ao esempenho do ensino em Portugal. Felizmente que agora, após ecravizar e achincalhar todos os docentes, as coisas vão melhorar e todo o cidadão vão saber escrever bem.

Professorinha disse...

Emigração em vez de Imigração, claro está.

Bom Natal e Feliz Ano Novo

pa-ciencia disse...

E os erros (sem ser as faltas de atenção!) no rodapé dos telejornais?! LOL

Rui disse...

Muito bem visto, mas de facto na nossa comunicação social já pouco me causa admiração.
Um abraço:
Rui

AnaCristina disse...

Venho muito tarde mas tudo tem a ver com o facto de ter migrado do Algarve para o Alentejo. Emigrar não está nos meus planos...
Um abraço